Capa do dia – Jhon Lenon sequestra ônibus

Todos os dias são sustos e mais sustos. E é nos ônibus desconfortáveis e com preços aquém dos serviços ofertados  que a população carioca sofre pra dédeu… agora o que passaram esses passageiros é de rir, até chorar.

Um cara alcunhado de Jhon Lenon sequestra o ônibus ,com certeza não ocorre outra palavra na cabeça atordoada dos passageiros, que não seja gritar – HELP!

Cristiano Celestino: O golpe, as consequências do golpe e quando derrotarmos o golpe

Direto do http://www.pt.org.br/



A medida mais urgente para quando derrotarmos o golpe é acabar com o oligópolio midiático de viés autoritário, antipovo, antinacionalista

“Os poderosos podem matar uma, duas ou três rosas, mas jamais conseguirão deter a primavera inteira”.Che Guevara

Após quase dez meses do Golpe de Estado que derrubou a presidenta Dilma Roussf eleita democraticamente por mais de 54 milhoes de votos, seguimos em luta para derrotar o golpe e restaurar a democracia por todos os meios necessários.

Com o conjunto de informações já disponiveis acerca da engrenagem golpista que usurpou o poder, é possível afirmar que os golpistas têm uma composição bastante heterogênea com objetivos nítidos de barrar o processo de melhoria das condições de vida iniciado no governo Lula e continuado no governo Dilma, entregar riquezas estrategicas do país e retirar direitos históricos da classe trabalhadora.

Uma ação conjunta envolvendo o oligópolio midiático, parte do judiciário, Ministério Público, parte das elites do serviço público federal, frações da classe média, interesses de potências estrangeiras destacadamente os Estados Unidos da América do Norte e sobretudo a elite rentista que quer que o povo pague a contas sempre.

No processo de instauração do golpe de Estado, é preciso destacar a parceria superazeitada entre o judiciário, o ministério público e o oligopólio midiático que coordenou toda a ação.

Além de uma formação nacional para o sucesso do golpe está cada vez mais nítido o papel exercido por interesses estrangeiros, sobretudo dos Estados Unidos em virtude principalmente de dois fatores, de um lado para impedir o protagonismo crescente do Brasil no âmbito geopolitico global. Destaca-se neste ponto o papel central do Brasil para a formação dos BRICS, que envolve além do Brasil, Russia, Índia, China e Africa do Sul, inclusive com a criação de um Banco comum, que desde a segunda guerra mundial é a primeira iniciativa a colocar em risco a hegemonia dos Estados Unidos, também na seara geopolitica deve-se destacar o papel do Brasil como importante liderança regional no espaço que os Estados Unidos sempre tiveram como seu quintal desde os tempos da Doutrina Monroe. Destaca-se ainda o protagonismo crescente do Brasil nos fóruns internacionais de decisão.

Além disso, é preciso destacar a cobiça estrangeira sobre nossas riquezas naturais, em particular o tesouro do pré-sal. Destruir a a Petrobrás é um sonho de certa direita viralata desde a fundação de nossa maior empresa e que tanto nos dá orgulho desde a sua criação por Getúlio vargas. e entregar o pré-sal é um sonho acalentado pela Direita brasileira conforme se sabe de vazamentos do site wikileaks quando então candidato José Serra prometeu mudar o regime de exploração do petróleo brasileiro.

Então, está cada vez mais nítido que o golpe é uma ofensiva da direita brasileira para destruir direitos e garantias das brasileiras e brasileiros. Ataque a previdência social, destruição dos direitos trabalhistas. Desemprego, destruição de empresas públicas com dilapidação do patrimônio público, desmonte dos programas sociais, achatamento dos salários, fim dos concursos públicos, são algumas das consequências do golpe.

E quando derrotarmos o golpe, qual deve ser o primeiro ponto do programa das esquerdas democráticas? O primeiro, mais urgente e indispensável é democratizar a comunicação. Nada foi tão central para o sucesso do golpe e para permanência do golpe quanto a existência de um oligopólio midiático no Brasil.

A medida mais urgente para quando derrotarmos o golpe é acabar com o oligópolio midiático de viés autoritário, antipovo, antinacionalista.

Regulamentar a Constituição, fortalecer a comunicação pública, democratizar o acesso ao expectro eletromagnético, fechar o duto bilionário que liga o orçamento da união as contas do oligopólio golpista, são algumas das medidas urgentes, necessárias e indispensáveis para quando derrotarmos o golpe.

Por Cristiano Celestino Dourado Borges Amorim, militante do partido dos trabalhadores desde 2010 filiado ao Diretório Municipal de América Dourada-BA, bacharel em direito, antropólogo e mestrando em antropologia na Universidade Federal da Bahia, para a Tribuna de Debates do 6º Congresso. Saiba como participar.

Nota oficial da FENAJ e do SJSP – condução coercitiva de Eduardo Guimarães é censura e ataque à liberdade de expressão

Direto da http://fenaj.org.br/

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo (SJSP) e a Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) protestam contra a condução coercitiva do blogueiro Eduardo Guimarães, do Blog da Cidadania, levado de sua residência na capital paulista, na manhã desta terça-feira (21), para prestar depoimento à Polícia Federal (PF) no âmbito da Operação Lava Jato. 

Guimarães teve seu apartamento vasculhado, foram apreendidos seu celular, notebook e um pen drive de uso pessoal e o blogueiro foi conduzido à Superintendência da PF no bairro da Lapa, zona oeste paulistana.

A Polícia Federal, em mais uma demonstração de arbitrariedade e violação de direitos inspirada na época da ditadura militar no país, quer violar o sigilo de fonte por Guimarães ter vazado a informação de que o ex-presidente Lula seria conduzido coercitivamente pela PF, o que forçou o adiamento da ação no ano passado.

Além da arbitrariedade da condução coercitiva, sem que qualquer intimação prévia tenha sido feita ao blogueiro, a PF devassa dados pessoais e desrespeita o sigilo de fonte garantido pela Constituição Federal em seu Artigo 5º, parágrafo XIV, em que define que ´“é assegurado a todos o acesso à informação e resguardado o sigilo da fonte, quando necessário ao exercício profissional”.

A Polícia Federal ataca, ainda, a liberdade de imprensa e de expressão do blogueiro – a mesma PF que tem vazado informações seletivamente de acordo com os próprios interesses, sem levar em consideração os interesses da sociedade.

O SJSP e a Fenaj expressam seu veemente repúdio à arbitrariedade da Polícia Federal, pois a condução coercitiva do blogueiro também representa um terrível precedente, que coloca em risco um dos mais importantes princípios do jornalismo – garantir o direito da população à informação.

O Sindicato e a Federação também se colocam à disposição de Eduardo Guimarães para lutar contra mais esse ato de lamentável autoritarismo e censura, além de prestar solidariedade e apoio na adoção de todas as medidas legais cabíveis.

São Paulo, 21 de março de 2017.
Direção do Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo

Federação Nacional dos Jornalistas – Fenaj

Lanús 1 _ 3 River Plate _ gols e melhores momentos 

Capa do dia – Buffon

Rafinha do Bayern de Munique destruindo prato de batatas

Rafinha não estava na onzena principal e é natural que no intervalo os reservas gastem algum suor para justificar sua presença, assim como é justo que os adeptos busquem algo para forrar a barriga e dar uma acalmada nos nervos. Só que o adepto jamais imagina que um chutador do time amado, meta a bota na bola com direção ao seu prato e esparramem no chão , as sagradas batatas. 

Remo é maior que o Paysandu nas bancadas e Urawa Reds do Japão está na frente de Corinthians e Palmeiras 

Braitner Moreira do Correio Braziliense fez um trabalho sensacional e que nos mostra definitivamente o quanto de dinheiro foi rasgado na construção das tais Arenas.

As benditas Arenas de Brasília, Manaus, Natal e Cuiabá investiram para mais de R$ 8 bilhões nesses elefantes , sendo que 82% foi de dinheiro público .

Para sublinhar melhor o trabalho do Braitner Moreira basta ver que na lista dos 100 maiores clubes em arrecadação no mundo , os gigantes brasileiros aparecem assim : Palmeiras (56º) ,Corinthians (74º) e Internacional (96º).

A lista contém 2956 clubes de ligas do mundo todo.

Caminhando para a parte de cima do mapa, na região norte ,a gente facilmente descobre o elefantão que foi erguido em Manaus ao ver o Nacional na 4ª divisão , ocupar a posição 2196 com a média de / 421 expectadores.

 Na casa dos 400/ espectadores está o Águia de Marabá que se posiciona à frente do Cuiabá que pela conversa ministerial iria se dar bem com a Arena Pantanal.

 Que Remo-Paysandu sao protagonistas no Norte, os urubus estão carecas de saber. Mas o que vai causar problemas nas tabernas ,é a considerável distância imposta pelo Remo ao Paysandu.

Remo na posição 275, 3ª divisão e média de 14068.

Paysandu na posição 437 , 2ª divisão e média de 8902.

Perceberam a diferença entre os vizinhos ??? 

As Arenas foram empurradas com a maravilhosa potoca de que iriam desenvolver o futebol em Brasília, Manaus, Cuibá e Natal. Nada vinga por lá.

Remo-Paysandu e todo o futebol paraense , sim, mereciam ser vistos com mais atenção. Mas, é como disse o homem da FIFA, quando do sorteio para as sedes dos mundiais havia um –

probleminha Belém- Manaus…



Para fechar e acabar com outra maldita potoca, a de que o Brasil é o país do futebol e trálálá , a lista aponta o Urawa Reds / Japão na posição geral 48ª/ 1ª divisão / média 36935 à frente do Palmeiras / 56ª / com média de 32471 e também do Corinthians / 74ª/ com média de 28764 espectadores.

Não bastasse tudo isso, se somarmos o trio carioca Vasco, Fluminense e Botafogo, eles não ultrapassam o Urawa Reds da província de Saitama.

A reportagem de Braitner Moreira pode causar azia em muita gente , mas é digna de ser lida com muita calma e com isso provocar boas reflexões sobre o futebol brasileiro e seus ‘relvados ‘ maltratados.

A única coisa que eu sempre soube , é que o Chico Vasques no Bairro do Souza, está de bom tamanho para nós, adeptos da Tuna Luso. 5 mil expectadores está do nosso top, cabe bem as nossas kombis ao redor e é confortável o cimento quente.

O link completo da boa reportagem de Braitner Moreira segue abaixo. Boa leitura

http://especiais.correiobraziliense.com.br/media-publico-futebol-mundial

Edmundo: ” O Vasco é muito grande pro Miltom Mendes “

Edmundo fez a traduçao perfeita para o momento atual do Vasco da Gama . Nao adianta trazer um cara cheio de diplomas na parede e com habilidades para dar cinco nós na gravata .,mas, que nao terá tempo para se ajeitar na Colina . Foi uma perda de tempo dos diabos , a insistencia com a dupla Jorginho              – Zinho . Que a largura esteja ao lado do primo da Colina .

Fora Eurico!

Capa do dia – Vasco vs Botafogo

Pensem em um time feio, pensou? É o Vasco. Agora o Botafogo colar na companhia, é querer se misturar.

Depois de 13 meses Boca perde em La Bombonera

14 de fevereiro de 2016 foi a última derrota jogando contra o Atlético Tucumán por 1-0.

O autor de tamanho atrevimento foi o Talleres . Que no perdido ano de 1986 teve sua primeira vitória frente ao Boca na Bombonera. Somou agora sua segunda vitória .

Estão todos na Bronca com o árbitro por causa de um penal não marcado. Mas bronca mesmo é por jogar na lixeira uma boa chance de escapar na tábua classificatória. Mas assim… é de ficar CALIENTE