O Vasco Que Deprime

Foi o pior dos cenários para o Vasco em seu retorno na Liga A . Ter pela frente o atual campeão brasileiro entupido de jogadores diferenciados ,é de assustar . E acrescente a tudo isso, uma festejada de mais de 30 mil adeptos no retorno de Cuca e sua calça vinho .


Não foi estranho descer para os balneários com 2-0 no costado. O Vasco até que teve poucos momentos que despertaram sonhos, mas com uma defesa débil  e tendo do outro lado gente com ganas , não dá pra ser feliz.

Se Douglas Luiz, Nenê e Pikachu acertam a rede de Fernando Prass as milhares de calças vinhos espalhadas no Alianza Parque seriam desprezadas. Mas não mudariam o destino vascaíno, seriam doses paliativas.

Esse time sem combate foi -estruturado- bem lá atrás quando da passagem de Roberto Dinamite na presidência , foi em sua gerência que iniciaram o real desmanche do Gigante da Colina.


Eurico é um ponto morto. Na temporada passada errou na perda de tempo com a dupla Jorginho-Zinho e agora pode passar sustos maiores com Milton Mendes.

Tem gente com currículo e coisa e tal no elenco . A molecada ao abrir os pacotes de figurinhas da Panine , até se diverte . Mas nos que contém defensores tem pesadelo.

A prova real do mal que assola a Colina tem sido a quantidade de gente que esvazia os armários e as do que baixam as malas no aeroporto.

Jogadores mais experientes pedem calma e o técnico afirma que tudo será diferente… com esse time liberando a porteira não dá para ir pro mano a mano contra os grandes emblemas. Seja em casa ou fora.

Não ! Passo das Emas de novo ?! jamais!

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s