No time de Jorge Sampaoli nao cabe Ganso 

Sampaoli ñ deu voltas para justificar a ausencia de Paulo Henrique Ganso na equipe por mais de três meses. Falou que na posiçao de Ganso a concorrencia é forte e que ele escolheu um outro caminho ,dispensando as caracteristicas do futebol jogado por Ganso. Talvz estejamos de frente ao ultimo grande 10 da bola no mundo . O jeito de jogar de Ganso desagrada os senhores  que se acham os -donos da bola .


Por Anderson Queiroz –  http://espnfc.espn.uol.com.br/sevilla/sevilla-somos-nosotros

Ninguém entendia muito bem as razões, mas o fato é que o brasileiro Paulo Henrique Ganso não vinha sendo usado pelo técnico Sampaoli. Desde 4 de janeiro que o talentoso meia canhoto não atuava. Defenestrado desde então, o jogador seguia sendo objeto de mistério, colecionando partidas nas quais nem era sequer relacionado. Até hoje.


Escalado surpreendentemente como titular na partida de hoje contra o Granada, Ganso teve atuação nada menos que brilhante. É certo que o Granada é um time fraco, mas não importa. Não há motivos para questionar a grande atuação do brasileiro.


Ganso iniciou a jogada do primeiro gol com um chapéu mágico e terminou a mesma jogada com uma finalização precisa. E no segundo gol, também dele, acompanhou a jogada e empurrou a bola para o fundo das redes. Tudo isso é notícia.


Que alguém pergunte ao treinador a razão da ausência do brasileiro. Enquanto Vazquez e Nasri passaram os últimos meses rastejando em campo, Ganso via os jogos pela TV. É difícil entender. Ainda mais pela exibição do jogador, hoje.


Mesmo sem jogar há mais de 3 meses, Ganso foi, indiscutivelmente, o melhor em campo. Além dos dois gols, apresentou um recital de passes precisos, bons dribles e muita presença em campo, principalmente no primeiro tempo, empolgando os mais de 30 mil sevillistas no Pizjuán.


A vitória do Sevilla (2-0) traz tranquilidade e praticamente garante a vaga na fase eliminatória da Champions. A terceira posição segue possível, ainda mais em virtude de o Atlético ainda estar vinculado a atual edição da Champions. 


Quanto ao futuro de Ganso, depois de hoje, com fantástica exibição e ovacionado pela torcida, sua presença na próxima temporada do Sevilla parece mais provável que a de Sampaoli. A torcida, que gritou o nome do jogador mais de uma vez, agradece. Se antes do jogo já tinha gente falando nas redes sociais em Ganso Mania, ainda mais agora.


O torcedor gosta do brasileiro e não entende porque ele joga tão pouco. Não existe essa história de que não tem ritmo para jogar na Europa. Nada disso. Quem tem talento pode jogar em qualquer lugar.


A ótima partida de Ganso, melhor em campo hoje, foi a melhor notícia deste Sevilla desidioso. Hora de colocar mais gente alternativa em campo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s