Ponte Preta vs Palmeiras foi ” jogo da vida” no – maldito estadual

Por Harold Lisboa


Muito já se falou da importância dos estaduais na vida dos times grandes e na visão da maioria dos comentadores renomados e bem acomodados em suas salas panorâmicas , o estadual é uma imensa montanha de m… 

Bem,  a gente então parte de um princípio básico na cabeça de qualquer botequeiro adepto dos amados sujinhos ,nas franhas das grandes cidades- não presta mas não te deixamos-.

Para mim os estaduais na vida dos fortões$ FC é uma grande chance de arrumar planos táticos , técnicos e acertos nos tais reforços. A gente até pode citar o caso de Rogério Ceni – São Paulo que juntos ,buscam aprumar  os passos no -maldito estadual.

Partindo do princípio que um grandão destes não esteja na disputa do filé de todos  ,que é a libertadores . O estadual é um rio abençoado. Como encarar as surpresas na Copa Brasil , somente treinando?? E é unanimidade no boteco, que a Copa do Brasil é uma encurtada generosa para se chegar a Libertadores , pulando poucas casinhas.

Os quatros meses sem a liga nacional brasileira é desfalque certo no caixa. Com os estaduais dá para ir se ajeitando .

As almas botequeiras “odeiam “o estadual e para aumentar o tal ódio , basta perdê-los .

O Ponte Preta – Palmeiras deste fim de semana valendo uma vaga na final do campeonato Paulista 2017 é um aperitivo cheio de sabores gordurosos para discutir o – maldito estadual.

Vejamos algumas dessas generosas gorduras :

Palmeiras -Campeão Brasileiro (2017)com 80 pontos, Ponte Preta 8ª colocada com 53 e uma diferença de 27 pontos na tabela.

A ponte nunca venceu um estadual . O último vencido pelo Palmeiras foi em 2008. Venceu o 1º jogo no Moisés Lucarelli por 1-0 e 5-0 no finado Palestra Itália.

É ou não ,motivos pra sacudir o puído balcão ?? O Palmeiras está km de distância da Ponte no quesito Grana. Mas os dois times ,acabaram transformando o encontro em ” jogo da vida”. Sem o maldito estadual, seria um pirulito pra cada. Sim ou não ?

As rivalidades e a grana extra vem segurando os estaduais até aqui. Mas existe vida útil para eles sim, e isto, somente pode ser melhor desenvolvido com cabeças mais jovens e devidamente alimentadas com o que há de melhor no mundo dos relvados .

Para que isso se torne uma realidade, é preciso nos livrarmos da má gordura que tem sido as federações.

Na 1ª mão lá em Campinas a macaca comeu o porco . E na 2ª ?? Quem ficar fora da final irá pra frigideira .

Copo limpo e brilhando é bem vindo em qualquer sujinho. Imagina nas prateleiras do emblema amado.

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s